domingo, 20 de novembro de 2011

A.D. Qta do Conde 2-2 C.R.I. (Juniores)


CAMPEONATO DISTRITAL DE JUNIORES DA 2ª DIVISÃO 7ª JORNADA

A equipa do CRI alinhou:  Bruno Morgado (Gr.) Ricardo Caroné; João Mourão; Luis Barbosa (Cap.) e Rui Pita; Fábio Jorge; Tiago Poupinha; Carlos Lança e Samuel Luz; Luis Trevas e Sérgiu Tasnicenco
No Banco:  Raul Martins; José Pedro; Edson Cunha; Fábio Cartaxo; Ricardo Garcia; João Ferreira e Tomás Monteiro.
A equipa do CRI, que vinha de uma vitória em casa entrou muito bem em jogo, e cedo começou a levar perigo junto á baliza do Qta do Conde.
 Aos 10 minutos Sérgiu Tasnicenco com um excelente trabalho na área adversária marca o 1º golo para a equipa do CRI.
A equipa de Alhos Vedros continua a mandar no jogo e aos 15 minutos João Mourão com um bom remate de cabeça após a marcação de um pontapé de canto, com a bola caprichosamente a bater num adversário e a não entrar na baliza adversária.
Aos 20 minutos saiu Luis Barbosa lesionado e entrou Raul Martins.
Ao intervalo: Qta do Conde 0 – CRI 1
Para a 2ª parte entraram José Pedro e Ricardo Garcia, para os lugares de Carlos Lança e Fábio Jorge.
A equipa da casa entrou melhor para a 2ª parte e criou algumas dificuldades á equipa do CRI, que aos poucos foi equilibrando novamente o jogo.
Aos 60 minutos numa excelente jogada de ataque da equipa de Alhos Vedros, Luis Trevas isola-se e marca o 2º golo para o CRI.
Aos 62 minutos cartão amarelo para José Pedro, por esta altura a equipa do CRI domina completamente o jogo e têm oportunidades para marcar o 3º golo.
Aos 75 minutos cartão amarelo para Luis Trevas.
Aos 78 minutos um jogador da equipa da casa sofre falta na grande área, grande penalidade convertida pela equipa da Qta do Conde, cartão amarelo para Tiago Poupinha.
A equipa da casa volta a acreditar que pode voltar a marcar e os jogadores do CRI ficam um pouco desorientados.
Aos 80 minutos saiu Luis Trevas e entrou Fábio Cartaxo.
Aos 83 minutos a equipa da casa vai chegar ao empate com alguma sorte com um remate enrolado que bate num defesa do CRI e vai entrar na baliza.
Com o resultado empatado o jogo fica electrizante, com ataques constantes das duas equipas.
Aos 45 minutos saiu Tiago Poupinha e entrou João Ferreira.
Com 5 minutos de compensação a equipa do CRI ainda criou uma oportunidade para ganhar o jogo.

Boa exibição da equipa do CRI que podia ter acabado com o jogo caso tivesse feito o 3º golo e teve oportunidades para o marcar.
Com o penalty convertido a equipa do CRI tremeu e consentiu o empate, voltou a reencontrar-se e acabou o jogo a criar uma boa oportunidade para marcar.
A equipa está a crescer e esta série de bons resultados está a dar confiança á equipa.
Devem continuar a trabalhar bem e como no plantel existem jogadores que não têm sido primeiras opções, mas quando são chamados estão a trazer mais qualidade para a equipa, isto indica que esta equipa ainda têm uma grande margem de progressão.

Texto:JF

Reacções:

0 COMENTÁRIOS: