segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Vinhense 1-5 C.R.I. (Infantis-A)

Disputou-se no sábado a segunda jornada do Campeonato Distrital de Infantis A, onde a equipa do CRI se deslocou à Vinha das Pedras para defrontar o Vinhense, e onde se previa que ia ser um jogo muito competitivo.

Começou melhor a equipa do CRI que fez logo o primeiro golo no primeiro minuto através de Miguel Manhita, com um remate fora da área, a bater o guarda-redes contrario, com alguma felicidade.

A equipa adversaria não sentiu o golo e começou a partir em velocidade para cima dos defesas do CRI, o que ia causando alguma embaraço a equipa do CRI, por isso não foi de estranhar que o adversário chegasse ao empate a passagem do minuto 7, através de um rápido contra ataque.

A equipa do CRI sentiu o golo e passou por algumas dificuldades, mas através de uma jogada de envolvimento um jogador adversário cometeu grande penalidade, que foi bem transformada por Guilherme Costa ao minuto 12.

A partir daqui a equipa do CRI assumiu o controlo do jogo, e aos 15 minutos Diogo Pina, atirou uma bola ao poste a terminar uma joga de ataque rápido.

A equipa do CRI iria chegar ao terceiro golo ao minuto 23, através de uma jogada individual de Tomas Martins, que driblou alguns adversários para finalizar com êxito.

Ainda antes do intervalo o CRI iria chegar ao quarto golo, fruto de uma enorme pressão sobre o adversário onde a bola sobrou para Catarina Sebastião, que fuzilou o guarda-redes, a passagem do minuto 25.

Até ao final da primeira parte há ainda a registar um grande defesa do guarda-redes do CRI, Pedro Horta, a corresponder da melhor forma a um livre bem executado pelo adversário.

Na segunda parte tudo foi diferente a equipa do CRI tomou conta do jogo do princípio ao fim, em virtude do desgaste do adversário, e de uma melhor circulação de bola.

O quinto golo aconteceu aos 6 minutos, através de Tomas Martins, a concluir uma jogada colectiva.

Neste período o realce vai para as inúmeras ocasiões de golo falhadas pela equipa do CRI, algumas por demérito e outras por mérito do guarda-redes adversário.

Em resumo vitória certa da melhor equipa, que passou algumas dificuldades no inicio do jogo, mas que soube resolver esse problema.

A arbitragem esteve a cargo do Sr. Diogo Fialho, que cometeu algumas pequenas falhas sem influência no resultado.

O próximo jogo é em casa com o 1º Maio FC Sarilhense de Sarilhos Pequenos.

A equipa do CRI alinhou com os seguintes jogadores:
Pedro Horta; Nuno Cristo; Luis Cascalheira; Guilherme Costa; Miguel Manhita; Gonçalo Rodrigues; Ruben Gonçalves ( c ); Catarina Sebastião, Diogo Pina; Rodrigo Guimarães; Tomas Martins, Tiago Alves.

Texto: Augusto Manhita

Reacções:

1 COMENTÁRIOS:

Fiquei bastanta supreendido de ver O Bruno Morgado nos juniores do Cri o miudo e excelente goleiro como foi dito em varios comentarios de varios treinadores e dos melhores do distrito so lhe faltou altura para outros voos e baixar de peso. Parabens ao cri boa escolha.