segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

C.R.I. 4-4 Fernão Ferro (Infantis-A)

Após quase um mês sem competição a equipa de Infantis “A” do CRI, jogou neste sábado o penúltimo jogo desta fase.
O jogo começou logo com uma grande oportunidade de golo, com a bola a ir embater na barra e na recarga a bola passou muito perto do poste.
A equipa do CRI dominava o jogo e ia falhando golos atrás de golos, até que numa das raras vezes que adversário chegou a baliza fez golo, aos 16 minutos.
A equipa do CRI continuou a atacar e iria conseguir empatar aos 22 minutos por intermédio de Ruben Gonçalves, com um excelente pontapé de fora da área.
O jogo conheceu então uma fase mais equilibrada, até que aos 29 minutos, fruto de uma oferta o adversário chegaria ao segundo golo.
E assim se chegou ao intervalo, com um resultado que não espelhava o que se tinha passado.
Na segunda parte a equipa do CRI, não entrou bem no jogo e sofre um golo logo aos 3 minutos.
Este golo perturbou a equipa que andou algum tempo atrás da bola, mas numa reposição de linha lateral Miguel Manhita, aos 9 minutos, aproveitou para fazer o segundo golo, desviando a bola do guarda-redes.
Quando se perspectivava que o CRI voltasse a tomar conta do jogo, novamente um erro defensivo, permitiu ao adversário fazer o quarto golo aos 12 minutos.
Com o tempo a escassear e a perder por dois golos de diferença a equipa do CRI começou a jogar mais com o coração do que com a cabeça, mas demonstrou muita garra e atitude, e por via disso iria chegar ao terceiro golo aos 20 minutos, por intermédio de Tomas Martins, fruto de uma enorme pressão que o guarda-redes adversário não se soube soltar.
A partir daqui e até ao fim o jogo ficou eléctrico coma bola a rondar as duas balizas, mas com o maior número de oportunidades a pertencerem ao CRI.
Até que aos 29 minutos fruto de uma grande penalidade o CRI vai chegar ao quarto golo por intermédio de Ruben Gonçalves, e na última jogada do jogo, com um jogador a ficar na cara do guarda-redes, o árbitro apita para fora de jogo e final de jogo, num lance que deixa muitas dúvidas.
Em resumo, o CRI merecia a vitória, pelo número de oportunidades criadas, mas adversário sobe aproveitar as ofertas defensivas e também lutou pelo jogo.
No próximo fim-de-semana vamos a Vale de Milhaços disputar o último jogo desta fase.

A equipa do CRI alinhou com os seguintes jogadores:


Pedro Horta; Nuno Cristo; Luis Cascalheira; Guilherme Costa; Miguel Manhita; Romário Fortes, Ruben Gonçalves ( c); Paulo Reis; Diogo Pina; Rodrigo Guimarães; Tomas Martins; Tiago Alves.


Texto: AM

Reacções:

0 COMENTÁRIOS: