segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Almada AC 3–2 C.R.I. (Infantis-B)

Quarta jornada do Campeonato Distrital de Infantis B, onde o C.R.I. se deslocou a Almada para defrontar o clube local, que pelos resultados anteriores fazia adivinhar um jogo complicado.

O jogo começou praticamente com o golo do C.R.I. logo aos 2 minutos por intermédio de Diogo Pina a concluir uma jogada de contra-ataque.

A equipa do Almada reagiu bem à desvantagem e aos 7 minutos haveria de fazer o empate com um bom remate de fora da área.

A equipa do CRI não acusou o golo e equilibrou o jogo e aos 10 minutos Rúben Gonçalves fez e segundo golo a concluir uma excelente jogada de futebol, a que se seguiu um período de maior ascendente na nossa equipa onde podíamos ter marcado mais golos, e ainda tivemos o azar do arbitro nos invalidar um golo aos 20 minutos, sem razão.

A equipa do Almada ganhou um novo alento e aos 27 minutos num pontapé de alívio que apanhou um jogador adiantado em relação a nossa defesa, vira a acontecer o empate, com que terminaria a primeira parte.

Na segunda parte a equipa do Almada entrou melhor no jogo, fazendo mais pressão na nossa defesa, que deu frutos aos 7 minutos com a obtenção do terceiro golo devido a uma perca de bola em zona proibida.

A equipa do CRI tentou reagir mas teve alguma dificuldade, porque os níveis físicos estavam a ficar debilitados, e a equipa do Almada ia gerindo a vantagem até aos últimos 5 minutos em que a equipa recorrendo a todas as suas forças foi para cima do adversário e criou alguns lances para marcar e só por infelicidade não fez, e também com a condescendência do arbitro que não deixou marcar convenientemente um livre indirecto a entrada da área, bem como não assinalando faltas a nosso favor.

Em resumo, um jogo em que a equipa do CRI não merecia perder, em que os jogadores tiveram uma entra e atitude excepcional, mas não saíram premiados, se continuarem com esta postura a vitoria não vai tardar em aparecer.

O próximo jogo é com o GD Sesimbra.

A equipa do CRI alinhou com os seguintes jogadores:
Pedro Horta; Nuno Cristo; Luís Cascalheira; Guilherme Costa; Miguel Manhita; Gonçalo Rodrigues; Ruben Gonçalves; Catarina Sebastião; Diogo Pina; André Catela; Miguel Vieira; Jorge Serra.

Texto: Augusto Manhita

Reacções:

0 COMENTÁRIOS: