quarta-feira, 16 de abril de 2014

Alhosvedrense João Raposinho é Campeão Nacional de Remo Indoor

João Raposinho, remador júnior do Clube Naval Barreirense, consagrou-se no passado sábado, 12 de abril, em Viana do Castelo, Campeão Nacional de Remo Indoor.

Trata-se de uma vertente do remo em que se “trocam” os barcos por remo ergómetros, máquinas que se encontram na generalidade dos ginásios e muito utilizadas pela modalidade para o treino regular.

Simultaneamente realizou-se o Open para participantes não federados, contando perto de 450 participantes de todas as categorias, incluindo os atletas portadores de incapacidades.

A Federação Portuguesa de Remo aproveitou este campeonato para realizar o derradeiro teste ergométrico para as seleções nacionais de juniores e seniores, masculinos e femininos, estando os atletas integrados no processo obrigados a cumprir mínimos por categorias na distância de 2.000 metros.

O Clube Naval Barreirense esteve presente com dois atletas candidatos à Equipa Nacional de Juniores: João Raposinho e Miguel Costa. O tempo máximo para os 2.000 estabelecidos pela equipa técnica federativa era de 6:40,8. Condição para se integrar a Equipa Nacional Júnior.

Miguel Costa “morreu na praia” ao fazer 6:40,9, ao ficar a um centésimo de segundo da qualificação.

João Raposinho geriu superiormente a sua prova e conquistou o Título Nacional da categoria com a marca de 6:18,7, praticamente 9 segundos de vantagem sobre o 2º classificado, o remador do Sport Clube do Porto, numa prova disputada por 39 atletas. Fez mesmo o 5º tempo absoluto (entre 73 concorrentes das categorias de juniores e seniores ligeiros e pesados).

Esta vistoria, valeu-lhe ainda a integração na Equipa Nacional de Juniores seguindo no dia imediato para o Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho para estágio que culminará com a realização de novos testes, agora na água, no próximo sábado, dia 19 e que vão servir para aferir as equipas finais em representação do país.

Apesar de não ter conseguido a integração na Equipa Nacional, Miguel Costa, assim como mais 3 atletas de outros clubes foram convidados pela Federação a integrar-se no estágio, no sentido de o motivar, já que, todos eles, por uma ou outra razão falharam a entrada na Equipa Nacional, mas mostraram ter qualidades e empenho para virem a ter essa oportunidade.

Fontes: Clube Naval Barreirense/Zoom online

Reacções:

0 COMENTÁRIOS: